Dicas e Sugestões

Promoção do seu evento

  • Se  é um utilizador ativo das redes sociais, use as hashtags #100HoursOfAstronomy e #IAU100 para partilhar o seu evento. Queremos ajudar a promovê-lo através dos nossos canais!
  • Pode descarregar os logotipos da IAU100 e 100HA aqui.
  • Para grandes eventos públicos, a divulgação e a promoção antecipadas ajudarão a tornar o evento um sucesso. Por outro lado, se está a planear realizar apenas um pequeno evento de astronomia na rua, com apenas um ou dois telescópios, talvez não queira fazer muita divulgação. Nesse caso, sugerimos mostrar o céu e os objetos celeste ao público local. Por menor que seja o seu evento, não se esqueça de o registar no site das 100 Horas de Astronomia. Todos os eventos, grandes ou pequenos, são importantes!
  • Divulgue primeiro o seu evento no seu clube de astronomia. Quanto mais membros com telescópios puderem participar, mais pessoas poderão receber.
  • Se organiza eventos públicos regularmente, será interessante desenvolver contactos com jornais, estações de rádio e TV locais, além de jornalistas freelancers. Recomendamos efetuar uma pesquisa sobre outros eventos já registados na sua área. Enviar uma nota de imprensa aos media é mais simples do que parece, e poderá ficar surpreendido com o interesse dos meios de comunicação. Fique preparado para a oportunidade de uma entrevista e designe uma pessoa para ser o porta-voz do evento. 
  • Envie anúncios para as escolas da sua região, através das delegações escolares, professores e associações de pais. Muitos professores poderão trabalhar em conjunto consigo para aproveitarem a oportunidade de observar o céu com telescópios e prepararem uma atividade escolar para os alunos. As escolas em geral possuem sites, listas de emails e calendários de atividades, peça-lhes para incluírem o seu evento nesses meios.
  • As bibliotecas podem divulgar o seu evento colocando um cartaz no painel de avisos, ajudando-o assim a chegar às pessoas interessadas em observar o céu com um telescópio. Proponha um trabalho conjunto, organizando uma pequena exposição de materiais relacionados com a astronomia, que poderá ser uma oportunidade para divulgar o evento. As bibliotecas também usam a internet e podem ajudá-lo a fazer chegar a notícia do evento ao grande público.
  • Lembre-se: ao enviar anúncios por email, recomende que a mensagem seja encaminhada e comunicada a todos os interessados. A divulgação direta e boca a boca costuma funcionar!


Sugestões de observação

Provavelmente, a sua atividade para as 100HA envolve observação do céu noturno. Observar o céu é algo simples e acessível. Todos podem participar e não é necessário experiência prévia ou equipamento. Preparámos estas dez sugestões para que aproveite ao máximo a sessão de observação.

  • Escolha o seu instrumento – O velho ditado “a ferramenta certa para o trabalho” também se aplica à observação astronómica. Os seus olhos são um excelente instrumento de observação, pois podem observar uma grande área do céu e detetar objetos em movimento, como estrelas cadentes. Para ver ainda mais estrelas, use um bom par de binóculos, que oferecem uma boa relação custo-benefício e são fáceis de utilizar. Os astrónomos mais entusiastas devem considerar investir num telescópio. Estes instrumentos recolhem muito mais luz que nossos olhos, permitindo ver objetos ténues, como nebulosas e galáxias, com mais facilidade.
  • Escolha o local – O local ideal para observar o céu é afastado das cidades e das luzes urbanas, proporcionando uma visão privilegiada do céu noturno. No entanto, os principiantes podem achar mais fácil iniciar-se nesta atividade em regiões urbanas, onde as estrelas mais ténues desaparecem devido à poluição luminosa, e as principais constelações se identificam mais facilmente. Assim, não desanime se não conseguir sair da cidade! Lembre-se também de zelar pela sua segurança. Antes de visitar uma região remota à noite, faça uma excursão diurna, e avise sempre alguém dos seus planos.
  • Escolha o seu equipamento – Observar o céu não requer necessariamente muito equipamento, mas alguns elementos são recomendáveis. Em primeiro lugar, agasalhe-se bem, pois pode ficar muito frio durante a noite. Uma cadeira reclinável irá permitir-lhe deitar-se e ficar confortável. Lanternas cobertas com celofane vermelho ou pintadas com esmalte irão ajudá-lo a adaptar os olhos à escuridão. Não se esqueça de levar uma bebida quente e alguma comida, assim como cartas celestes, telemóvel com bateria carregada, e relógio.
  • Esteja preparado – Uma pequena preparação pode maximizar o seu tempo de observação. Descubra o que vai estar visível durante a noite, em que horário e direção. Aprenda a localizar os planetas e as estrelas mais brilhantes, bem como objetos artificiais brilhantes, como a Estação Espacial Internacional. Não se esqueça de consultar a previsão meteorológica para não correr o risco de apanhar céu nublado.
  • Aprenda a conhecer o céu – Aprender as constelações é uma das experiências mais recompensadoras da astronomia amadora. Seguir os padrões das estrelas irá ajudá-lo a encontrar objetos no céu noturno, e em pouco tempo o seu conhecimento da esfera celeste terá crescido imenso.
  • Seja um contador de histórias – As constelações têm mitos e lendas conhecidas há centenas, e até milhares de anos. Sabendo estas histórias, poderá contá-las a outras pessoas, ligando-as às estrelas e aos padrões no céu. Será, com certeza, um sucesso ao redor de uma fogueira!
  • Quanto mais olhas, mais vês – O segredo da astronomia é a persistência. Se a noite está nublada, tente de novo na próxima. Continue a observar e a acumular experiências. O céu noturno muda ao longo do ano, por isso, há sempre algo de novo para observar.
  • Envolva-se com outras pessoas – Observar o céu noturno sozinho é certamente uma experiência pacífica e tranquila, mas olhar para as estrelas também pode ser uma atividade social. Se quer aprofundar os seus conhecimentos de astronomia, considere a hipótese de se juntar a um clube de astronomia. Será uma excelente oportunidade de aprender com os outros e de partilhar o que sabe.
  • Mantenha um caderno de anotações – Manter um registo de tudo o que observa pode melhorar a sua aprendizagem e maximizar o benefício das observações. Em pouco tempo, estará a navegar da Grande Nebulosa de Oríon até ao enxame estelar das Pleiades em Touro.
  • Divirta-se! – Lembre-se sempre de que olhar para o céu é simples e divertido. Evite os aspetos técnicos se isso não lhe interessar. Desfrute da simplicidade de sair de casa numa noite estrelada e olhar para cima!

Organização do evento

As 100 Horas de Astronomia estão abertas a projetos de astronomia de todos os tipos, incluindo oficinas, visitas guiadas, projetos em sala de aula, palestras, observação do céu, aulas, excursões, manifestações artísticas, e muito mais! O céu é o limite!

Escolha do local

Tente evitar espaços próximos a ruas ou estradas movimentadas, ou outros locais onde circulem muitos veículos com faróis acesos. Lembre-se de garantir a existência de uma fonte de energia elétrica caso vá utilizar um telescópio com motor ou um computador. Tente escolher um local com uma boa visão do horizonte. Esteja atento às condições meteorológicas. Se estiver a organizar o evento numa área afastada, coloque placas a indicar o caminho. Divulgue o seu evento na imprensa local.

Observatórios e Centros de Ciência

Ao organizar eventos em locais públicos, como Observatórios e Centros de Ciência, contacte o local e os responsáveis com antecedência. Verifique a disponibilidade de energia elétrica, estacionamento, local de cargas e descargas e extintores de incêndio. Determine de antemão os locais de montagem de telescópios e outros equipamentos. Confira as regras de uso do local e os horários de outros eventos que possam estar a acontecer ao mesmo tempo. Localize os WC, os depósitos de lixo e os bebedouros.

Eventos na Rua

Escolha um local que ofereça segurança e trabalhe em grupo sempre que possível. Existem muitos locais que podem ser interessantes, como passeios, praças, parques, locais próximos a livrarias, bibliotecas, cafeterias, restaurantes, lojas, cinemas, teatros e paragens de metro, comboio e autocarros. Se não houver nenhum local com essas características, poderá fazer o evento em frente à sua casa! Evite juntar muitos telescópios numa mesma zona, pois poderá atrapalhar a passagem das pessoas.

O que pode fazer:

  • Segurança em primeiro lugar
  • Verifique as autorizações necessárias
  • Escolha locais próximos da sua casa ou um local que frequente
  • Dê preferência a locais com maior número de peões
  • Localize utilidades, como WCs e bebedouros próximos
  • Visite o local com antecedência e certifique-se de que não há prédios ou outros obstáculos que impeçam a observação dos alvos

O que não deve fazer:

  • Impedir a circulação de veículos e peões
  • Bloquear o acesso a edifícios
  • Montar telescópios debaixo de luminárias ou em áreas demasiado iluminadas
  • Infringir regulamentações ou leis